22 Setembro, 2015
Enfermeiros em greve na Unidade Local de Saúde do Alto Minho entre 25 a 30 de setembro.  Concretização da greve depende do Ministério da Saúde cumprir o que assumiu na última reunião com o SEP, ou seja que não inviabiliza que hospitais procedam ao reposicionamento.

 

 

Reunião de 9 horas realizada ontem, dia 21 com o Conselho de Administração da ULSAM determinou a assinatura de um memorando sobre reposicionamento dos CIT. Conselho de Administração está disponível para proceder ao reposicionamento razão pela qual solicitou, de imediato, esclarecimentos ao Ministério da Saúde. Sobre a necessidade de contratar enfermeiros assumiram a contratação imediata de 24 sendo que são necessários mais para toda a ULSAM. Enfermeiros Subcontratados assumiu o compromisso que à medida que vão cessando os contratos dos enfermeiros com as empresas estes serão contratados pelo hospital. Regulamento de horários, finalmente e após 6 meses a aguardar uma reunião para discutir e finalizar a proposta já antes consensualizada entre o SEP e os enfermeiros, foi possível fazê-lo ontem. Direção de Enfermagem vai ser homologada a lista com os enfermeiros nomeados em funções de chefia. Pagamento de milhares de horas em divida aos enfermeiros, vai ser feito o levantamento e pago de acordo com as opções dos enfermeiros.

Ler memorando aqui.