A ANFQ – Associação Nacional de Fibrose Quística apresenta no próximo 21 de Novembro, pelas 21h00, no Teatro Tivoli BBVA, em Lisboa, ‘Clara’, um espetáculo musical solidário de sensibilização e angariação de fundos.

No dia em que se assinala o Dia Europeu da Fibrose Quística, a ANFQ pretende através de ‘Clara’, personagem fictícia, revelar uma sucessão de situações, sentimentos e emoções e mostrar o impacto que a doença tem no dia-a-dia de famílias, pacientes e amigos.

Em Portugal vivem cerca de 400 pessoas com Fibrose Quística.

O espetáculo é realizado pelo Coro e Orquestra Médicos de Lisboa, contando com a participação de membros do grupo Operawave e incluindo momentos de dança, interpretados por alunos de Medicina, com base em peça escrita por Inês Pires, encenada e interpretada pelo Grupo de Teatro Catarse.

 

A receita de bilheteira reverterá na totalidade a favor da ANFQ.

A ANFQ – ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE FIBROSE QUÍSTICA

A ANFQ é uma IPSS criada em 1996 com o objetivo de apoiar os pacientes e suas famílias, assim como promover a divulgação dos sintomas e cuidados associados à Fibrose Quística (FQ).

A FQ é uma doença genética hereditária rara que afeta cerca de 400 pessoas em Portugal, 75.000 em todo o mundo. Pode atingir diferentes órgãos mas afeta principalmente os pulmões, intestino, fígado, pele e pâncreas. Saiba mais em www.anfq.pt | facebook.com/anfq.pt

 

CORO E ORQUESTRA MÉDICOS DE LISBOA

O Coro e Orquestra Médicos de Lisboa são dois projetos que nasceram há três anos, fruto da vontade dos estudantes de Medicina de poderem continuar a sua atividade musical, aliada ao curso. Atualmente, os dois grupos, no seu conjunto, contam já com 70 membros das duas Faculdades de Medicina de Lisboa. E, porque um “Médico que só sabe de Medicina, nem de Medicina sabe”, acreditam que a música possa ser vista como uma linguagem unificadora entre estudantes, professores e também médicos!

Os grupos já se apresentaram em algumas das mais prestigiadas salas de Lisboa, como a Aula Magna da ULisboa, Culturgest, Centro de Congressos de Lisboa, a Assembleia da República, Cinema São Jorge, entre outras.

 

GRUPO DE TEATRO CATARSE

O Grupo de Teatro Catarse surge da paixão de estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa pela arte da representação e o mundo do espetáculo. Fundado em 2013, conta com várias apresentações públicas de peças originais e de encenação coletiva, tendo participado recentemente no Festival Anual de Teatro Académico – FATAL. Parte agora para uma nova sala, para dar voz e corpo a um novo projeto.

 

OperaWave

Fundado em 2014 por alunos de Canto do Professor Fernando Serafim, o Grupo dedica-se à interpretação de música vocal e particularmente ao canto lírico e conta já com apresentações efectuadas em locais como a Academia de Amadores de Música, Museu da Música, Fundação Marquês de Pombal, Ordem dos Médicos e Museu do Oriente. Diversificado em termos etários e profissionais e acompanhado ao piano por Manuela Fonseca, o “OperaWave” é dinâmico na sua constituição, cultivando a integração de novos membros.

 

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

HORÁRIO

21h00 (duração aproximada de 2h incluindo intervalo de 15m)

 

PREÇOS

Plateia 1: 20€ // Plateia 2: 18€ // Frisas e 1º Balcão Central: 15€

1º Balcão Lateral, 2º Balcão e Camarotes: 12€

LOCAIS DE VENDA

Reservas e informações ligue 1820 (24h)

Bilheteira Teatro Tivoli BBVA: 213 572 025 / bilheteira.tivolibbva@uau.pt